POP
POP Trash
RSSPop News
24/11/2012 - 09:13h

Direto da prisão, homem gerencia sites pornôs e clubes de striptease

DivulgaçãoAgora o americano aguarda o julgamento

O americano Francis Sharrak, de 44 anos, está preso em Michigan, nos EUA, deste abril acusado de evasão de divisas e sonegação de impostos. Entretanto, mesmo atrás das grades, ele continua agindo com o gerenciamento de sites adultos e casas de striptease.

As autoridades descobriram que Sharrak tinha um laptop com internet, além de um celular, mantendo, assim, os sites pornográficos. De acordo com o jornal "Huffington Post", o americano já teria arrecadado mais de R$ 7 milhões.

Suspeita-se que os equipamentos foram adquiridos com ajuda de um funcionário da cadeia. Agora, caso seja condenado, Sharrak poderá cumprir mais seis anos de prisão e terá que pagar R$ 8,4 milhões a receita federal do país.

Da Redação

Comente

POP